Compartilhe por email

Preencha o nome e email para quem você deseja compartilhar

A Assintecal, por meio do setor de Inteligência de Mercado, está divulgando semanalmente conteúdos acerca do Panorama do Coronavírus (Covid-19), trazendo informações econômicas, setoriais e medidas políticas acerca dos impactos e enfrentamento do Governo com relação à pandemia. Com isso, objetiva-se auxiliar e oferecer todo o suporte ao setor.

O estudo encontra-se disponível na Plataforma de Inteligência, site do By Brasil, Components, Machinery and Chemicals – ação de incentivo às exportações realizada pela Assintecal e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

 

INDICADORES SELECIONADOS SOBRE OS IMPACTOS DO NOVO CORONAVÍRUS

A produção da Indústria de Transformação vem apresentando oscilações desde janeiro de 2019, conforme é possível verificar no gráfico abaixo. Com isso, verificou-se que o maior crescimento do período ocorreu em novembro de 2019, quando a taxa foi de 1,36%. Já a queda mais abrupta registrada no período apresentado abaixo, foi no mês de março, um índice de -3,04%.

No que diz respeito à produção nacional de automóveis, o mês de abril de 2020, na comparação com o mesmo período de 2019, registrou a maior queda histórica desde o ano de 1957, apresentando um índice de -99,3%. Isto se explica pelo forte impacto que a indústria automotiva vem sofrendo desde o início da pandemia do Coronavírus, seguindo com praticamente todas as fábricas fechadas, contribuindo, assim, ainda mais na queda da produção de veículos.



Inicialmente, as estimativas para o PIB do 1º trimestre de 2020, apontavam para estabilidade ou crescimento para a maioria dos mercados, entretanto, após a pandemia do coronavírus instaurada no Brasil e no mundo, a estimativa passou de estabilidade para queda, conforme é possível verificar no gráfico abaixo. Entretanto, os especialistas não descartam que possa haver queda para o 2º trimestre também.

A China apresentou uma queda de -6,8% no 1º trimestre, sendo a sua primeira contração em quase 30 anos, desde 1992, quando os dados trimestrais do PIB começaram a ser divulgados oficialmente pelo país. Em termos anuais, a última vez que a China havia registrado uma contração foi no ano de 1976, que ocorreu no fim da Revolução Cultural.

Já o Brasil, considerando-se o dado do IBC-Br, que é um indicador que busca antecipar e apontar as tendências para o resultado do PIB, registrou uma retração de -1,95% no primeiro trimestre de 2020. Isto confirma todos os efeitos causados pela pandemia, parando não só o Brasil, mas o mundo todo.


Por fim, a crise instaurada por conta da pandemia da Covid-19 também já atingiu o mercado de trabalho, pois, de acordo com o Indicador Antecedente de Emprego, após o mês de março, quando o isolamento social foi inicializado no Brasil e os primeiros efeitos da pandemia começaram a aparecer, o indicador já apresentou a segunda maior queda da série histórica, chegando a 82,6 pontos, sendo também o menor nível desde junho de 2016 (82,2). Já em Abril de 2020, a queda foi ainda mais abrupta, 39,7 pontos.



ÍNDICES E PROJEÇÕES DE MERCADO

No dia 15 de maio, o Índice Ibovespa fechou em 77.557,62 pontos. Isto acaba por caracterizar uma variação negativa de 41.016 pontos em relação a 02 de janeiro quando o índice era 118.573 pontos.

O S&P 500 VIX, que mede a volatilidade implícita das opções do índice S&P 500 recuou para 31,89 na sexta-feira (15/05/2020).

Quanto à taxa de câmbio, percebe-se que o Real ($) continua a ser a moeda mais desvalorizada frente ao dólar, quando se comparado às moedas selecionadas.

Com relação ao Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, observa-se que desde o início da pandemia do coronavírus (Covid-19), instaurada em março deste ano no Brasil, o mercado vem sinalizando reduções, a mais abrupta ocorreu agora em 18 de maio, apresentando um índice de -5,12% no PIB, conforme é possível verificar no gráfico abaixo.

  

Confira também as últimas atualizações da Plataforma de Inteligência:

* Panorama Coronavírus (Covid-19) – 18/05;

* Transmissão sobre Linhas de Crédito de Mercado – 18/05;

* Transmissão sobre a Redução da Jornada de Trabalho em tempos de Covid-19 - 18/05;

* Análise de Cenários - Os impactos Macroeconômicos e Setoriais da Crise do novo Coronavírus (PDF) - 14/05;

* Análise de Cenários - Os impactos Macroeconômicos e Setoriais da Crise do novo Coronavírus (vídeo) - 14/05.

 

* Entre em nossa Plataforma de Inteligência e tenha acesso a diversos conteúdos: https://www.bybrasil.org.br/plataforma-de-estudos/login

  

MAIS INFORMAÇÕES?

Entre em contato através dos e-mails relacionamento@assintecal.org.br e/ou inteligencia@assintecal.org.br ou, também, pelo telefone 55 (51) 3584-5200.

Estas e outras informações podem ser encontradas no estudo completo, o qual encontra-se disponível em nossa Plataforma de Inteligência!

• A plataforma é um benefício disponível para associados da ASSINTECAL e Participantes By Brasil.

• Este é um estudo apoiado pelo By Brasil Components, Machinery and Chemicals.

 

* Veja outras notícias em www.assintecal.org.br/noticias e fique por dentro de tudo o que está acontecendo e como podes enfrentar a pandemia do Covid-19 (Coronavírus).



Compartilhe por email

Preencha o nome e email para quem você deseja compartilhar

JÁ SOU CLIENTE

Acesse sua conta mais rápido! Faça seu login com o Facebook.
*O e-mail cadastrado deve ser o mesmo da conta do Facebook.
E-mail
Senha

NÃO SOU CADASTRADO

Faça seu cadastra de forma rápida e fácil, basta logar com o Facebook.
E-mail
Primeiro nome

Esqueci minha senha

Preencha seu e-mail abaixo. Você irá receber uma nova senha por e-mail.
E-mail

OPS!